Copy

Temos a dupla missão de refletir sobre a fragmentação noticiosa no meio digital e de criar ferramentas e técnicas para identificar um jornalismo confiável e de qualidade na internet.
CONSÓRCIO DE MÍDIA - PROJETO CREDIBILIDADE / THE TRUST PROJECT
 
Veículos membros de The Trust Project, desde maio/2019: Agência Lupa, Agência Mural, Folha de S. Paulo, Nexo Jornal, O Povo e Poder360Veículos em processo de adoção do MVP: Amazônia Real, Gaúcha ZH, JOTA, Jornal do Commercio e Nova Escola

O consórcio de mídia do Credibilidade inclui também: Abraji (parceira institucional), Gazeta do PovoJornal da CidadeJornal de JundiaíO Estado de S. PauloO Globo, O LivreUOL, Valor Econômico e Zero Hora.

Edição 37 | Dezembro de 2019

O que há de novo


Ilustração: Reprodução

Amazônia Real, Gaúcha ZH e JOTA iniciam implementação do MVP
Qualificados para implementar o Mínimo Protocolo Viável (MVP) do Sistema de Indicadores de Credibilidade, os três veículos já iniciaram o processo de adoção, que prevê a divulgação de seus compromissos éticos e padrões editoriais. O MVP abrange três indicadores – Melhores Práticas, Autor/Produtor e Tipo de Matéria – e inclui dois outros fronts: interface com o usuário (design) e o tecnológico, com a adoção do markup (código na linguagem XML, conforme nomenclatura schema.org) para o meio digital. 
 
QR code para o questionário de qualificação para o Credibilidade
Necessário para veículos interessados em implementar o Sistema de Indicadores, o questionário visa obter informações sobre a empresa por trás do veículo, volume e peridiocidade de publicação de notícias e fontes de financiamento, entre outros dados. Como representantes do Trust Project no Brasil, focamos em veículos que tenham uma política de ética (mesmo que ainda não esteja publicada em seu website), que produzam conteúdo jornalístico original (reportagem baseada em fatos) e tenham um compromisso claro com o interesse público.
 
ESTANTE VIRTUAL

Atlas da Notícia 3.0 revela avanço da revolução digital 
Realizada pelo Projor em parceria institucional com a Abraji, Intercom e 22 escolas de jornalismo, a terceira edição do projeto Atlas da Notícia indica o avanço da revolução digital sobre a imprensa brasileira, um fenômeno marcado pelo fechamento de impressos, migração para o meio digital e o aumento dos chamados desertos de notícias, municípios sem a presença registrada de veículos jornalísticos. Desde 2018, o projeto é financiado pelo Facebook Journalism Project.

A cargo do Volt Data Lab, liderado pelo jornalista Sérgio Spagnuolo, a pesquisa, análise e mapeamento desta edição inclui também a publicação de uma API (Interface de Programação de Aplicativos) para facilitar o acesso e utilização das informações geradas sobre a presença de veículos jornalísticos nos 5.570 municípios brasileiros.

Nesta terceira edição, a coordenação do trabalho nas cinco regiões brasileiras é de responsabilidade do jornalista Sérgio Lüdtke, em conjunto com os seguintes pesquisadores regionais: Angela Werdemberg (Centro-Oeste), Dubes Sônego (Sudeste), Jéssica Botelho (Norte), Marcelo Fontoura (Sul) e Mariama Correia (Nordeste). 

Os principais indicadores do Atlas da Notícia 3.0

  • Mapeamento de 11.833 veículos jornalísticos no país em todos os meios: impresso, digital, rádio e TV 
  • Do total de veículos mapeados, as emissoras de rádio somam 4.195 (35,5%), seguidas por veículos impressos 3.429 (29%), veículos digitais 3.051 (25,8%) e emissoras de TV 1.158 (9,8%)
  • Presença de veículos jornalísticos em 2.083 municípios, um universo de 171,2 milhões de pessoas que correspondem a 82% da população brasileira
  • 3.487 municípios (62,6%) são “desertos de notícias,” lugares sem a presença registrada de veículos jornalísticos. Lá vivem 37,4 milhões de brasileiros (17,9% da população)
  • 1.074 municípios (19,2%) são “quase desertos,” lugares com até dois veículos e em risco de se tornarem desertos. Lá vivem 27,5 milhões de brasileiros (13,2% da população)
  • O Atlas 3.0 identificou o fechamento de 331 veículos jornalísticos, dos quais 195 (60%) impressos – números consolidados desde 2003

Observação: Por se tratar de um projeto de dados novo e focado num país de dimensões continentais e altamente desigual, a terceira edição do Atlas da Notícia registra o fechamento de veículos desde 2003, sem atribuir um ano específico para isso. A comparação anual para o fechamento de veículos será possível em futuras edições do Atlas da Notícia.

O Projeto Credibilidade é financiado por:

Copyright © 2019 | Projeto Credibilidade. Todos os direitos reservados.
Instituto para o Desenvolvimento do Jornalismo - Projor
Programa de Pós-Graduação em Mídia e Tecnologia - Unesp


Quer alterar a forma como você recebe esse email?
Você pode atualizar suas preferências or cancelar o recebimento






This email was sent to <<Email Address>>
why did I get this?    unsubscribe from this list    update subscription preferences
Projeto Credibilidade · Av. Brigadeiro Faria Lima, 1461 – 4o. andar – Caixa Postal 259 · São Paulo, SP 01452-002 · Brazil

Email Marketing Powered by Mailchimp